Obra

Nemer | Aquarelas recentes – Geometria residual

artistas: José Nemer
curador: Agnaldo Farias
local: Sala 7

MON abre a mostra “Nemer | Aquarelas recentes – Geometria residual”

O Museu Oscar Niemeyer (MON) abre dia 25 de outubro, quinta, às 19h15, na sala 7, a mostra “Nemer | Aquarelas Recentes – Geometria residual”. Com curadoria de Agnaldo Farias, reúne cerca de 50 obras do artista - que têm características únicas, que são as dimensões e o uso do preto. 


O curador analisa a obra de Nemer. “O artista impõe-se um magnífico e ambicioso desafio, que só mesmo a segurança da maturidade e o controle que dela advém podem permitir. De um lado, a geometria, produto de extração mental, com sua precisão orgulhosa, decidida, sobretudo se apoiada em instrumentos como réguas e esquadros, traindo, com essa postura, certa indiferença ao mundo, no que ele tem de incompreensível, insubordinado, indomável. De outro, a mancha, resultado pulsante do emprego de pincéis, com suas formas irregulares, sua apreensão cambiante, corolário de seus contornos atmosféricos, pejadas de cor como nuvens carregadas de água, a pique de transbordar”.


A mostra fica em cartaz até dia 24 de fevereiro de 2019. Na hora da abertura a entrada é gratuita. A visitação pode ser feita de terça domingo, das 10h às 18h. 


Nemer

José Alberto Nemer é artista visual e doutor em Artes Plásticas pela Université de Paris VIII. Lecionou em universidades brasileiras e estrangeiras, como a UFMG (1974 a 1998) e a Université de Paris III-Sorbonne (1974 a 1979). Pertencente a geração dos chamados desenhistas mineiros, que se afirmou no cenário da arte brasileira a partir da década de 1970, Nemer participa de salões e bienais no Brasil e no exterior. 

Sua obra obteve, entre outros, o Prêmio Museu de Arte Contemporânea da USP (1969), Prêmios Museu de Arte de Belo Horizonte (1970 e 1982), Prêmios Museu de Arte Contemporânea do Paraná na Mostra do Desenho Brasileiro, (1974 e 1982), Grande Prêmio de Viagem à Europa no Salão Global (1973), Prêmio Museu de Arte Moderna de São Paulo no Panorama da Arte Brasileira (1980).

Entre suas exposições recentes, destacam-se a do Centro Cultural Banco do Brasil/CCBB Rio (2000), a dos espaços culturais do Instituto Moreira Salles, em circuito itinerante pelo país (2003/2005) e a da Galeria Anna Maria Niemeyer, no Rio (2009). 

Serviço

Nemer | Aquarelas recentes – Geometria residual

Abertura: 25 de outubro, quinta, às 19h15  – Entrada gratuita na abertura                         

Até dia 24/02/2019


Museu Oscar Niemeyer

Rua Marechal Hermes, 999

41 3350 4400

Visitação: terça a domingo, das 10h às 18h — acesso até 17h30

R$20,00 e R$10,00 (meia-entrada)

museuscarniemeyer.org.br

Sem título, 2018 | Aquarela sobre papel | 100x100cm
Sem título, 2018 | Aquarela sobre papel | 100x100cm
Sem título, 2017-18 | Aquarela sobre papel | 150x200cm
Sem título, 2017-18 | Aquarela sobre papel | 150x200cm