29.03.2022

MON recebe em doação mais de 4 mil obras do artista Poty Lazzarotto

No dia do aniversário de Curitiba, 29 de março – e coincidentemente data de nascimento do artista Poty Lazzarotto – o Museu Oscar Niemeyer incorpora a maior coleção já doada à instituição: aproximadamente 4,5 mil obras assinadas por Poty (1924 – 1998).

São mais de 3 mil desenhos e 366 gravuras, além de tapeçarias, entalhes, serigrafias e esculturas, entre outros. A doação, feita pelo irmão do artista, João Lazzarotto, foi recebida pelo governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior, e passa a pertencer ao Estado do Paraná.

“Estamos honrados pela escolha do MON. É um patrimônio de grande riqueza cultural e histórica, que o Estado não teria recursos para pagar e que agora poderá ser visto por todos que vierem visitar o museu”, disse o governador. “Poty é o nosso principal artista e um dos grandes artistas de todo o mundo. Agradeço em nome da população do Paraná o desprendimento da família com essa doação”.

Emocionado, João Lazzarotto contou estar realizado por atender o desejo do seu irmão. “O Poty dizia que obra de arte é para o público olhar e queria que as suas ficassem aqui. Ele recusou pedidos de levar para Paris e para outros lugares. Curitiba era tudo para ele”, afirmou.

A família, explicou, escolheu fazer a doação ao MON por ser um museu com as condições necessárias para abrigar, preservar e expor as obras. 

A diretora-presidente do MON, Juliana Vosnika, falou sobre a importância desta coleção, a maior já doada ao Museu, e também comentou o incremento do acervo. “Nos últimos anos passamos de pouco mais de 3 mil chegando hoje a 14 mil obras, já incluída esta doação, o que consolida o papel e a importância do MON no cenário nacional e internacional”, acrescentou.

EXPOSIÇÃO – A primeira exposição com parte do acervo do artista deve ser inaugurada em julho e vai ocupar dois andares da torre do Olho. “Vamos começar uma reforma no início de abril que, entre outras coisas, vai incluir um novo elevador para melhorar a acessibilidade da torre. Tudo ficará pronto para abrigar a exposição do Poty”, adiantou a superintendente de Cultura, Luciana Casagrande Pereira.

As obras de Poty Lazzarotto também serão levadas para o interior, em mostras itinerantes.

Esta será a segunda exposição de Poty Lazzarotto no museu. Em 2012, o MON apresentou no espaço do Olho a mostra inédita “Poty, de todos nós”, com curadoria de Oswaldo Miranda, o Miran, que reuniu cerca de 800 itens da vasta produção do artista.

ACERVO – Recentemente, o Museu Oscar Niemeyer foi escolhido por suas condições técnicas, capacidade de gestão e credibilidade da instituição para receber uma doação de quase 3 mil obras de arte asiática. No ano passado, as mesmas credenciais fizeram com que o MON recebesse a generosa doação de aproximadamente 1.700 obras de arte africana.

Juliana Vosnika destaca o diálogo constante que tem sido promovido entre as obras do acervo e as obras apresentadas nas exposições temporárias realizadas pelo MON. “As obras do Poty, além de serem apresentadas numa exposição própria, também estarão presentes numa das exposições mais aguardadas deste ano: a dos bancos indígenas”, disse.

MON PARA TODOS – O trabalho de descentralização da cultura iniciado em 2019 tem levado mostras do acervo do museu a outras cidades. Em 2021, foram realizadas duas exposições itinerantes, ambas na Região Metropolitana de Curitiba: “Estruturas e Valores”, do artista paranaense Antonio Arney, na Casa da Memória Manoel Alves Pereira, em Piraquara; e “O Mundo Mágico dos Ningyos”, no Museu Atílio Rocco, em São José dos Pinhais.

Em fevereiro deste ano foi aberta uma exposição com obras itinerantes do acervo do MON no Teatro Municipal de Cascavel.

Abrigado em um espaço superior a 35 mil metros quadrados de área construída, sendo 17 mil metros quadrados apenas para exposições, o MON é o maior museu de arte da América Latina.

SOBRE O MON
O Museu Oscar Niemeyer (MON) é patrimônio estatal vinculado à Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura do Paraná. A instituição abriga referenciais importantes da produção artística nacional e internacional nas áreas de artes visuais, arquitetura e design, além de grandiosas coleções asiática e africana. No total, o acervo conta com mais de 9 mil peças, abrigadas em um espaço superior a 35 mil metros quadrados de área construída, sendo 17 mil metros quadrados de área para exposições, o que torna o MON o maior museu de arte da América Latina. Os principais patrocinadores da instituição, empresas que acreditam no papel transformador da arte e da cultura, são: Copel, Sanepar, Grupo Volvo América Latina, Vivo, Grupo Focus e Moinho Anaconda.

Serviço:
Museu Oscar Niemeyer
Rua Marechal Hermes, 999
www.museuoscarniemeyer.org.br